Arquivos da categoria: Moda

home

A erotização no vestuário feminino infantil

A estudante do curso Superior de Tecnologia em Design de Moda (SENAI/UNESC) de Criciúma-SC, Patrícia Ricken, foi a campo e investigou a erotização no vestuário feminino infantil em crianças de duas escolas situadas na região Sul de santa Catarina, sendo uma de zona rural e outra de zona urbana.

Meninos e meninas de 9 a 12 anos participaram da pesquisa, da seguinte forma: foi apresentado figuras constituindo-se de uma boneca, e de ambos os lados vestimentas, uma representando a roupa adultizada e a outra a roupa adequada, lúdica. Foi solicitado que escolhessem uma das duas opções, em seguida colorir, recortar e colar sobre o desenho da boneca.

O estudo revelou que 56% das crianças residentes do bairro da área rural optaram pelo vestuário lúdico, enquanto apenas 36% das crianças residentes do bairro da área urbana optaram pelo mesmo item, evidenciando a influência cultural na construção da subjetividade. Somando as crianças das duas escolas 53% optaram pelo vestuário adultizado.

Figura 1 – Vestuário lúdico

fig 1

Fonte: (Autora 2014)

 

 

Figura 2 – Vestuário adultizado

fig 2

Fonte: (Autora 2014)

O estudo revelou que, para além das funções básicas: proteção contra intempéries, distinção de sexo, classe, e pudor a vestimenta infantil na atualidade possui conotação exacerbada da sexualidade, especialmente o vestuário feminino.

A autora propõe que designers de moda observem que a atração pelo produto muitas vezes ocorre quando são apresentados aspectos característicos da infância como o lúdico, e a interatividade, nesse sentido é possível o desenvolvimento de produto com essas características.

 

Prof. Vilma Marta Caleff
do Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda – SENAI/UNESC

FIESC-SENAI

lingerie

Lingerie, mais que uma peça íntima

Faz muito tempo que a lingerie deixou de ser apenas uma peça íntima, ainda mais no Brasil. Já foi comprovado em pesquisas a níveis mundiais que a brasileira é a mulher que mais se preocupa com as suas lingeries. Mas por quê?

Lingerie-1

É bem simples, a mulher brasileira é tida com a mais bela do mundo e sendo assim as mesmas se sentem um tanto ‘pressionadas’ a se manterem sempre bem vestidas, inclusive em suas peças íntimas. Vendo todo este potencial econômico as marcas investem muito em tecnologia e diferenciais fashion nesta área.

O Brasil não é tido como um exportador de moda e sim importador, ou seja, se inspira e quase imita o que vem de fora, com exceção das peças íntimas e biquínis, nesta área somos nós que ditamos as ‘regras’.

Lingerie-2

As cores, os tecidos, as armações, é tudo cuidadosamente pensado, pois além da beleza e da sensualidade prezamos muito pelo conforto, afinal de contas não há nada pior do que um soutien que machuca ou uma calcinha desconfortável não é mesmo?!?

Lingerie-3

Uma dica, sempre compre o seu número, nem a mais nem a menos, pois o que é seu tamanho que não vai marcar o desnecessário nem criar a ilusão de algo que não existe, para mais ou para menos! As mulheres se sentem mais poderosas apenas por estar utilizando uma lingerie especial, assim, para aquele dia que precisamos nos sentir seguras e preparadas nada melhor que uma boa lingerie para dar um UP na auto estima e toda a forma do look escolhido não é mesmo? Por hoje é só, um beijo e até a próxima!


JADSNARA LUNARDI BROGNARA
FIESC-SENAI